16 de novembro de 2010

Aborígenes foram os primeiros a chegar na América?


Características cranianas distintivas de aborígines australianos estão presentes em centenas de crânios que foram descobertos na América Central e do Sul, alguns datados de mais de 11.000 anos atrás.

O biólogo evolucionista Walter Neves, da Universidade de São Paulo, cujos resultados são relatados em uma reportagem de capa da última edição da revista Cosmos, examinou esses esqueletos e recuperou outros, e afirma que há agora um monte de evidências indicando que pelo menos duas diferentes populações colonizaram as Américas.

Ele e seus colegas nos Estados Unidos, Alemanha e Chile, defendem que a primeira população foi estreitamente relacionada com os aborígines australianos e chegaram mais de 11.000 anos atrás.

A segunda população a chegar foi dos humanos de aparência "mongolóide" - uma morfologia craniana distintiva dos povos do Oriente e do Norte de origem asiática - que entraram nas Américas a partir da Sibéria e fundou a maioria (se não todas) as modernas populações nativas americanas.

"Os resultados sugerem uma clara afinidade biológica entre os primeiros sul-americanos e a população do Pacífico do Sul. Esta associação permitiu a conclusão de que as Américas foram ocupadas antes da divulgação da morfologia clássica mongolóide na Ásia", diz Neves.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...