1 de dezembro de 2010

Empresa japonesa toca Mozart para suas bananas


Uma empresa japonesa de frutas está tocando Mozart para o amadurecimento de suas bananas, afirmando que isso faz um produto mais doce.

E isso não é tudo: um jornal japonês diz que uma grande variedade de alimentos e bebidas no Japão está desfrutando a exposição à música clássica, incluindo o molho de soja, macarrão udon, missô e até mesmo o sakê.

Na verdade, o sakê é francamente exigente quando se trata de compositores. Na cervejaria Ohara Shuzo, o diretor gerente sênior, Fumiko Ohara disse ao jornal que o experimento clássico musical começou há mais de 20 anos atrás, quando o presidente, Kosuke Ohara, se deparou com um livro sobre cerveja com a música. Eles experimentaram o jazz, Mozart, Bach e Beethoven, entre outros.

"Nós descobrimos que Mozart funciona melhor pra o sakê" disse o senhor Ohara, "e é por isso que usamos apenas a sua música."

Mas voltando aos cachos de bananas amantes de Mozart. O jornal The Japan Times relatou que elas chegam como frutas verdes comuns, e presumivelmente não-musicais, vindas das Filipinas, até a empresa de frutas Toyoka Chuo Seika. Mas, então, toda a sua existência muda.

As músicas de Mozart, Quarteto de Cordas e Piano Concerto 17 e 5 em D maior, entre outras obras, tocam continuamente por uma semana nos alto-falantes em sua câmara de amadurecimento, disse o jornal.

Um representante da empresa de frutas, Isamu Okuda, disse que a companhia acredita que isso faz as frutas ficarem mais doces.

E aparentemente os consumidores concordam - os "bananas de Mozart", que fizeram sua estréia em julho passado, são vendidas no local pelo equivalente a US $ 3,60 o cacho e as vendas aumentaram no último ano mais do que as bananas que não escutam música.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...