23 de março de 2011

Comitê do Nobel pede que tirem o Prêmio da Paz de Obama


O presidente boliviano e o líder político russo lançaram uma campanha para revogar a honra de Obama depois que os EUA atacaram a Líbia.

Do Partido Liberal Democrático da Rússia, líder e vice-presidente do Estado de Duma, Vladimir Jirinovski divulgou um comunicado hoje, reclamando para o Comitê do Prêmio Nobel para retomar a honra concedida ao presidente dos EUA, Barack Obama, em 2009.

Zhirinovsky disse que os ataques foram "mais um ato absurdo de agressão por forças da NATO e, em particular, os Estados Unidos", e que os ataques demonstram "uma política colonial", com "um objetivo: estabelecer o controle sobre o petróleo da Líbia e do regime líbio". Ele disse que o prêmio era agora hipócrita como resultado."

O presidente boliviano, Evo Morales, repetiu o apelo: "Como é possível que um ganhador do Prêmio Nobel da Paz lidere uma gangue para atacar e invadir? Isto não é uma defesa dos direitos humanos ou autodeterminação".

Morales ganhou o Prêmio Kadafi Internacional dos Direitos Humanos em 2006.

Ele está entre uma série de líderes esquerdistas latino-americanos que têm denunciado os ataques contra a Líbia. Hugo Chávez, da Venezuela, Rafael Correa, do Equador, Daniel Ortega, da Nicarágua e da Argentina, Cristina Fernández, todos criticaram a cobertura da mídia ocidental sobre a crise da Líbia.

Morales e Chávez repetiram seus apelos para negociações de paz com o líder líbio Muammar Gaddafi.

Obama ganhou o Prêmio Nobel da Paz em 2009 por "seus esforços extraordinários para reforçar a diplomacia internacional e a cooperação entre os povos." O Comitê elogiou a "mudança no clima internacional" afetados pela presidência de Obama.

Em sua palestra, ele falou sobre a "verdade dura" da inevitabilidade da guerra, dizendo: "Haverá momentos em que as nações - a título individual ou em conjunto - encontrará o uso da força não apenas necessária, mas moralmente justificada".

A mensagem tem sido amplamente divulgada no Twitter: "Obama tem agora disparado mais mísseis do que todos os outros ganhadores do prêmio Nobel da Paz em conjunto."

2 comentários:

Josimar2012 disse...

Finalmente alguém levantou a lebre, ditado antigo que meu avô gostava de dizer. Lembro desse fato inusitado, na época teve até muitos protestos mas não deu em nada. Como pode Obama ganhar um Nobel da Paz, seria justo se ele retirasse suas tropas do Iraque e Afeganistão. Foi até promessa de campanha, mas sabe como é né? depois de eleito esqueça o que fio dito. No texto eu só não entendi a frase: "Morales ganhou o Prêmio Kadafi Internacional dos Direitos Humanos em 2006". Jamais ouvi sobre esse Prêmio maluco.rsrsr

geracina aguiar disse...

CONCORDO O PREMIO NOBEL DA PAZ NAO PODE SER VULGARIZADO E ENTRGUE A COLONIALISTAS SANGUINARIOS TRAVESTIDOS DE PACIFISTAS, OBAMA A CADA DIA MOSTRA A SUA CARA QUE ESTAVA ESCONDIDA NOS SLOGANS DEMAGOGICOS DE CAMPANHA; AGORA CABE AOS ESTADUNIDENSES DAR-LHE O TROCO NAS URNAS E DESMASCRA-LO COM UMA FLAGOROSA DERROTA!!SURGE UM NOVO BUSH!!!!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...