28 de abril de 2011

Herói vestido de ninja traz justiça para rua da Inglaterra

Vestido de preto da cabeça aos pés, esse guerreiro ninja está pronto para dar esperança aos cidadãos comuns nas ruas de Royal Tunbridge Wells, Inglaterra.

O vigilante mascarado - que se parece muito com um homem de pijama de judô e uma balaclava - patrulha as ruas, corrigindo erros e dando esperança aos moradores da cidade de Kent.
Seus feitos incluem heroísmo como retornar gatos perdidos a seus proprietários e alertar motoristas estacionados ilegalmente que arriscam uma multa de estacionamento.

O anônimo de 25 anos de idade, também está pronto para ajudar velhinhas a atravessar a estrada - em atos descritos como "estranhos" pelos receptores gratos de sua ajuda.

O Ninja postou fotos e vídeo de sua cruzada em uma página do Facebook e insiste que ele está determinado a trazer justiça para as ruas.

"O Facebook parece pensar que eu não sou uma pessoa real, mas posso assegurar que eu sou. Os rumores são verdadeiros. Eu sou um ninja e estou patrulhando Tunbridge Wells ", disse ao Correio Kent.

"O meu objetivo é ajudar as pessoas, me inspiro no Neighbourhood Watch, que as pessoas parecem ter esquecido. Então eu criei o Ninja Watch."

"Ainda há muita dificuldade em Tunbridge Wells e a comunidade não parece ser tão boa como costumava ser. A mensagem que quero passar é grave, que é sobre as pessoas continuarem observando, se juntando e fazendo notificações de incidentes."

"Eu encontrei um gato desaparecido e ajudei algumas senhoras de idade a cruzar a estrada. Algumas foram cautelosas, tenho certeza que você entende."

Porém os críticos apontam que sua campanha tem semelhanças com uma brincadeira em 2003, em que moradores locais disseram que um "justiceiro mascarado" estava combatendo o crime nas ruas.

Sally Everson, 43 anos, que viu o Ninja ajudar algumas senhoras em uma estrada, disse ao Sun: "Foi muito estranho, mas as senhoras estavam felizes. Então eu o vi ficar de fora de uma loja onde algumas pessoas indesejáveis estavam curtindo e eles saíram bem rápido."

A polícia de West Kent disse que não tinha conhecimento do Ninja e alertou os moradores para não tomar a lei nas suas próprias mãos.

Alemães exigem fechamento de usinas nucleares

Dezenas de milhares de manifestantes na Alemanha se reuniram perto de 12 usinas nucleares do país, exigindo um fim ao uso da energia nuclear.


Na segunda-feira, mais de 120 mil manifestantes reuniram-se em 12 das 17 usinas nucleares do país, apelando para o governo da chanceler alemã Angela Merkel para fechar imediatamente todas as plantas.

Os manifestantes chamaram a atenção dos funcionários para o acidente da central nuclear de Chernobyl, na Ucrânia, que ocorreu 25 anos atrás, bem como o incidente da usina de Fukushima no Japão em março passado.

Segundo o organizador do protesto, Peter Dickel, o estado alemão da Baixa Saxônia tem testemunhado algumas dos maiores manifestações do país, com mais de 20.000 indivíduos participantes.

Cerca de 17.000 manifestantes saíram na usina nuclear Krummel no norte do estado de Schleswig-Holstein, enquanto mais de 15.000 outras pessoas congregadas perto da fábrica Grafenrheinfeld na Baviera.

Solicitações pelo fim da presença da OTAN no Afeganistão também estavam entre os slogans anti-nucleares nas manifestações a nível nacional.

O protesto veio depois que Merkel impôs uma moratória sobre a construção de novas usinas nucleares no mês passado.

Após a crise nuclear de Fukushima, no Japão, sete das mais antigas plantas do país foram fechadas temporariamente. Os níveis de segurança das 10 usinas restantes estão sendo monitorados.

Fonte: Press TV

27 de abril de 2011

Bactéria cresce em gravidade 400 mil vezes maior do que a da Terra

As bactérias de solo P. denitrificans, observadas após a exposição à gravidade normal (à esquerda) e hipergravidade no laboratório.

Provando que você não tem que ser grande para ser resistente, alguns micróbios podem sobreviver a uma gravidade 400.000 vezes maior que a gravidade da Terra, afirma um novo estudo.

A maioria dos humanos, pelo contrário, pode tolerar forças igual a cerca de 3-5 vezes a gravidade da superfície da Terra (g) antes de perder a consciência.

A extrema "hipergravidade" de 400.000 g é normalmente encontrada apenas em ambientes cósmicos, como em estrelas muito maciças ou as ondas de choque de supernovas, disse o líder do estudo Shigeru Deguchi, um biólogo na agência japonesa Marinha-Terra de Ciência e Tecnologia.

Deguchi e sua equipe foram capazes de replicar a hipergravidade na Terra usando uma máquina chamada ultracentrifugação.

Os cientistas rapidamente giraram quatro espécies de bactérias, incluindo a bactéria intestinal humana comum, a Escherichia coli, para criar condições de gravidade cada vez mais intensas.

As bactérias se agruparam em pelotas enquanto a gravidade aumentava, mas a sua proximidade forçada não pareceu deter o crescimento: todas as quatro espécies multiplicaram-se normalmente sob milhares a dezenas de milhares de vezes a gravidade da Terra.

Duas das espécies - E. coli e Paracoccus denitrifican, uma bactéria comum do solo - cresceram sob a tensão de 403.627 g.

As novas descobertas são consistentes com uma idéia chamada panspermia, que diz que vida na Terra pode ser proveniente de micróbios alienígenas que pegaram carona ao nosso planeta a bordo de asteróides e cometas antigos.

"Se a vida existe fora do sistema solar, então ela pode viver e explorar mais lugares do que pensávamos", disse Deguchi.

26 de abril de 2011

Nova teoria afirma que o tempo não é a quarta dimensão


Cientistas do Centro de Investigação Científica Bistra em Ptuj, Eslovênia, teorizam que a idéia newtoniana de tempo como uma quantidade absoluta que corre por conta própria, juntamente com a idéia de que o tempo é a quarta dimensão do espaço-tempo, estão incorretas. Eles propõem substituir os conceitos de tempo com uma visão que corresponde mais precisamente ao mundo físico: o tempo como uma medida da ordem numérica da mudança.

Em dois trabalhos mais recentes (um publicado e um a ser publicado) em Physics Essays, Sorli Amrit, Fiscaletti Davide e Klinar Dusan, começam explicando como é que geralmente assumimos que o tempo é uma quantidade física absoluta que desempenha o papel de variável independente (tempo, t, é muitas vezes o eixo x nos gráficos que mostram a evolução de um sistema físico). Mas, como se nota, nós nunca realmente medimos o t. O que fazemos é medir a freqüência de um objeto e a velocidade. Mas, por si só, t tem apenas um valor matemático, e não tem existência física primária.

Esta visão não significa que o tempo não existe, mas que o tempo tem mais a ver com o espaço do que com a idéia de um tempo absoluto. Assim, enquanto espaço-tempo 4D geralmente é considerado como composto de três dimensões do espaço e uma dimensão de tempo, a visão dos pesquisadores sugere que é mais correto imaginar o espaço-tempo como quatro dimensões do espaço. Em outras palavras, como se costuma dizer, o universo é "atemporal".

"O espaço de Minkowski não é 3D + T, é 4D", escrevem os cientistas em seu trabalho mais recente. "O ponto de vista que considera o tempo como sendo uma entidade física, em que as mudanças materiais ocorrem aqui é substituída por uma visão mais conveniente do tempo sendo apenas a ordem numérica da mudança material.

Esta visão corresponde melhor ao mundo físico e tem maior poder de explicação em descrever os fenômenos físicos imediatos: gravidade, interação eletrostática, a transferência de informação através da experiência EPR são fenômenos físicos realizados diretamente pelo espaço no qual ocorrem os fenômenos físicos.

25 de abril de 2011

Custos do casamento real espalham raiva no Reino Unido



Uma nova pesquisa descobriu que mais de um terço dos britânicos acreditam que o casamento real não deve ser financiado pelo dinheiro dos contribuintes.

O levantamento, encomendado pela pesquisadora YouGov, mostra que um total de 36 % dos entrevistados disseram que isso não é um bom uso do dinheiro público.

A pesquisa YouGov também descobriu que 29 % das pessoas no Reino Unido acreditam que o casamento iminente do príncipe William e Kate Middleton é inadequado para o atual clima econômico pois cortes do governo de coalizão de gastos estão começando a apertar. Esse percentual aumentou para 35 % entre os desempregados e 41 % para os alunos.

Também constatou-se que quase nove em cada 10 pessoas não têm a intenção de comprar qualquer recordações para o casamento de William e Kate.

"Apesar da enorme quantidade de empatia do público e o apoio de William e Kate, é extremamente difícil para o povo britânico ignorar o aspecto financeiro para as celebrações. É difícil esquecer o atual clima financeiro", disse Tom Flack, editor da WalletPop.co.uk.

Outra pesquisa da Reuter concluiu que mais da metade de todo o povo britânico vai assistir William casar com Kate Middleton em 29 de abril.

Os britânicos ganharam um feriado para a ocasião e são esperados milhares de pessoas na linha da rota do Palácio de Buckingham para a Abadia de Westminster ou assistindo em telões nos bares e parques.

Os interessados incluem a maioria mulheres (65 %), pessoas com idade acima de 65 anos (65 %), os eleitores conservadores (64 %), e as pessoas com baixos rendimentos (59 %).

A Maior latifundiária do mundo

A Rainha Elizabeth II, chefe de estado do Reino Unido e de 31 outros estados e territórios, é a proprietária legal de cerca de 6.600 milhões de hectares de terra, de um sexto da superfície da Terra, na parte não-oceânica.

Ela é a única pessoa no mundo que possui países inteiros, e que possui países que não são seu próprio território nacional. Esta apropriação de terras é separada de seu papel como chefe de estado e é diferente de outras monarquias onde tal afirmação não é feita - como a Noruega, Bélgica, Dinamarca, etc

O valor de sua propriedade da terra: £17.600.000.000.000 (aproximadamente).

Isso faz dela o indivíduo mais rico do mundo. No entanto, não há nenhuma maneira fácil de dar um valor a seu real estado. Não há mercados atuais em terras de países inteiros.

Numa estimativa aproximada de 5.000 dólares por acre, e com base na venda do Alasca aos EUA pelo czar e de Louisiana aos EUA pela França, a posse de terra da Rainha está valendo $33.000.000.000.000 (trinta e três trilhões de dólares ou cerca de £17.600.000.000.000). Sua exploração é baseada nas leis dos países que ela é proprietária e seu título de propriedade é válida em todos os países que ela possui. Suas principais participações são o Canadá, o segundo maior país do mundo, com 2,467 milhões de hectares, na Austrália, o sétimo maior país do mundo, com 1.900 milhões de hectares, a Papua Nova Guiné com 114 milhões de hectares, a Nova Zelândia com 66 milhões de hectares e no Reino Unido, com 60 milhões de hectares.

Ela é o maior latifundiário do mundo por uma margem significativa. O próximo maior proprietário de terras é o Estado russo, com uma participação global de 4.219 milhões de hectares, e uma participação direta comparável com a posse de terras da Rainha, de 2.447 milhões de hectares. O terceiro maior latifundiário é o estado chinês, que afirma que toda a terra chinesa é cerca de 2,365 milhões de hectares. O quarto maior fazendeiro do mundo é o Governo Federal dos Estados Unidos, que detém cerca de um terço das terras dos EUA, 760 milhões de hectares. O quinto maior latifundiário do planeta é o Rei da Arábia Saudita, com 553 milhões de hectares.


23 de abril de 2011

Monstro que muda de forma assombra cidade africana


Steytlerville, uma pequena cidade em Karoo, está sendo assolada por rumores de um monstro que muda de forma, disse a polícia de Cabo Oriental.

"A comunidade diz que o monstro muda de forma, enquanto você está olhando para ele", disse o subtenente Zandisile Nelani.

Ele disse que um homem havia relatado que a criatura mudou de um homem vestindo um terno para um porco e, em seguida, em um morcego. A criatura tinha sido avistada em várias ocasiões, perto de uma igreja e só apareceu à noite, Nelani disse.

Os moradores se reuniram com a polícia na semana passada para discutir o fenômeno estranho.

Nelani disse que pediu às pessoas para tirar uma fotografia do suposto monstro. Embora alguns moradores ficarem com medo dele, ele não prejudicou quaisquer pessoas ou animais.

Fonte: News 24

Radiação de Fukushima equivale a 2.000 bombas atômicas


O desastre nuclear de Fukushima apresenta uma contaminação radioativa equivalente à 2.000 bombas atômicas de 500 quilotoneladas. Cada uma destas bombas são 33 vezes maiores do que a bomba americana que destruiu Hiroshima em 1945.

É como se todo o mundo estivesse em guerra: mas sem explosões, sem incêndios. Cada pedacinho de radiação está entrando no meio ambiente, o equivalente a 10 partículas radioativas espalhadas pelo ar, para cada pessoa do planeta, criando uma reação em cadeia letal.

As autoridades responsáveis pela usina disseram que talvez resolvam a situação dentro de seis a nove meses.

21 de abril de 2011

Crise global de alimentos catastrófica: 20 sinais que provam o que está por vir



1- De acordo com o Banco Mundial, 44 milhões de pessoas ao redor do globo têm sido empurradas para a pobreza extrema desde junho passado por causa dos preços dos alimentos.

2- O mundo está perdendo o solo a uma velocidade espantosa. De fato, de acordo com Lester Brown, "um terço das terras cultiváveis do mundo está perdendo solo mais rápido do que novo solo está se formando através de processos naturais".

3- Devido aos subsídios ao etanol dos EUA, quase um terço de todo o milho cultivado nos Estados Unidos é agora usado para o combustível. Isto está colocando um monte de estresse sobre o preço do milho.

4- Devido à falta de água, alguns países do Oriente Médio se vêem obrigados a confiar quase que totalmente a outras nações para alimentos básicos. Por exemplo, está sendo projetado que não haverá mais produção de trigo na Arábia Saudita até o ano de 2012.

5- Camadas subterrâneas de água em todo o mundo estão sendo reduzidas a uma taxa alarmante, devido a "extração excessiva". Segundo o Banco Mundial, existem 130 milhões de pessoas na China e 175 milhões de pessoas na Índia, que estão sendo alimentadas com grãos com a água que é bombeada dos aquíferos mais rápido do que pode ser substituído. Então o que acontecerá com todos quando a água acabar?

6- Nos Estados Unidos, a redução sistemática do Aqüífero Ogallala pode eventualmente transformar o "Celeiro da América" de volta à "Vasilha de Poeira".

7- Doenças como a ferrugem do trigo Ug99 estão exterminando segmentos cada vez maiores da oferta mundial de alimentos.

8- O tsunami e a crise nuclear consequente do Japão tornaram vastas áreas agrícolas nesta nação inutilizáveis. De fato, há muitos que acreditam que, eventualmente, uma parte significativa do norte do Japão será considerado inabitável. Não só isso, muitos estão convencidos de que a economia japonesa, a terceira maior economia do mundo, provavelmente entrará em colapso total, como resultado de tudo isso.

9- O preço do petróleo pode ser o fator mais importante desta lista. A maneira que nós produzimos os nossos alimentos é fortemente dependente do petróleo. A maneira que nós transportamos nossa comida é fortemente dependente do petróleo. Quando você tem a disparada dos preços do petróleo, o nosso sistema de produção alimentar torna-se muito mais caro. Se o preço do petróleo continua a ficar alto, vamos ver os preços dos alimentos muito mais elevados e algumas formas de produção de alimentos não fazem mais sentido em termos econômicos.

10- Em algum momento o mundo poderá viver uma escassez de fertilizantes muito grave. Segundo os cientistas da Global Phosphorous Research Initiative, o mundo não vai ter o suficiente de fósforo para atender a demanda agrícola, em apenas 30 a 40 anos.

11- A inflação alimentar já está devastando as economias ao redor do globo. Por exemplo, a Índia está lidando com uma taxa anual de inflação de alimentos de 18 por cento.

12- Segundo a Organização das Nações Unidas, o preço global dos alimentos atingiu um novo máximo histórico em fevereiro.

13- Segundo o Banco Mundial, o preço global dos alimentos aumentou 36% nos últimos 12 meses.

14- O preço do commodity de trigo está aproximadamente o dobro desde o Verão passado.

15- O preço dos commodities do milho também quase dobrou desde o último verão.

16- O preço dos commodities de soja é de cerca de 50% desde junho do ano passado.

17- O preço do commodity de suco de laranja dobrou desde 2009.

18- Há cerca de 3 bilhões de pessoas ao redor do mundo que vivem com o equivalente a 2 dólares por dia ou menos e o mundo já estava à beira de um desastre econômico, antes mesmo do início deste ano.

19- 2011 já foi um dos mais loucos anos desde a 2 Guerra Mundial. As revoluções varreram o Oriente Médio, os Estados Unidos se envolveu na guerra civil na Líbia, a Europa está à beira de um colapso financeiro e o dólar dos EUA está morrendo. Nada disto é uma boa notícia para a produção global de alimentos.

20- Há rumores persistentes de escassez em alguns dos maiores fornecedores de alimentos de emergência nos Estados Unidos.

Fluoretação da água nos faz estúpidos e doentes


Um estudo recente da China concluiu que doses baixas de fluoreto de sódio na água potável diminui o QI, especialmente entre as crianças. Este é o vigésimo quarto estudo internacional do gênero com a mesma conclusão. Fluoreto de sódio também tem sido associada à redução da fertilidade e baixa contagem de esperma.

Outros problemas de saúde decorrem da função básica do fluoreto de sódio de bloquear a produção da tireóide. Era uma vez utilizado para inibir o hipertireoidismo (tireóide hiperativa). Então, se sua tireóide está normal, será reduzida para hipotireoidismo (tireóide sub-ativa), o que leva a uma infinidade de problemas de saúde.

O fluoreto de sódio é acumulado e armazenado pela matéria óssea, deslocando o cálcio e enfraquecendo os ossos. A glândula pineal suga ainda mais o material que está sendo posto em 70% do abastecimento de água nos EUA enquanto a investigação científica independente e protesto público é desconsiderado.

Fonte: Natural News

Iphone da Apple grava todos os lugares que você vai

O IPhone da Apple armazena cada detalhe de seus movimentos para um arquivo no dispositivo.

Pesquisadores de segurança descobriram que o iPhone da Apple mantém o controle de onde você vai - e salva todos os detalhes do mesmo para um arquivo secreto no dispositivo que é copiado para o computador do dono quando os dois estão sincronizados.

O arquivo contém as coordenadas registradas de latitude e longitude do telefone, juntamente com um marcador de tempo, o que significa que quem roubou o telefone ou o computador pode descobrir detalhes sobre os movimentos do dono usando um programa simples.

Em alguns telefones, pode haver quase um ano o valor dos dados armazenados, como a gravação de dados parece ter começado com a atualização da Apple IOS 4 para o sistema operacional do telefone, lançado em junho de 2010.

Em alguns telefones, pode haver quase equivalente a um ano dos dados armazenados, pois a gravação de dados parece ter começado com a atualização da Apple IOS 4 para o sistema operacional do telefone, lançado em junho de 2010.

"A Apple tem feito isso possível para quase todo mundo - um esposo ciumento, um detective privado - com acesso a seu telefone ou computador para obter informações detalhadas sobre onde você está", disse Pete Warden, um dos pesquisadores.

Apenas o iPhone registra a localização do usuário desta forma.

O sistema do iPhone parece gravar os dados não importando se o usuário concorda. A Apple não quis comentar por que o arquivo é criado ou se ele pode ser desativado.

19 de abril de 2011

Memorandos secretos expõem ligação entre as empresas de petróleo e invasão do Iraque


Documentos do governo britânico mostram que os planos para explorar as reservas de petróleo do Iraque foram discutidos por ministros do governo e as maiores empresas de petróleo do mundo, no ano anterior em que a Grã-Bretanha teve um papel fundamental na invasão do Iraque.

Os documentos, revelados pela primeira vez, levantam novas questões sobre o envolvimento britânico na guerra, que tinha dividido o gabinete de Tony Blair e foi votado apenas após as alegações de que Saddam Hussein tinha armas de destruição em massa.

As actas de uma série de reuniões entre ministros e altos executivos do petróleo estão em desacordo com as negações a respeito do interesse próprio das companhias petrolíferas e os governos ocidentais na época.

Mais de 1.000 documentos foram obtidos no âmbito da Liberdade de Informação, em cinco anos pelo militante do petróleo Greg Muttitt. Eles revelam que pelo menos cinco reuniões foram realizadas entre os funcionários, ministros e a BP e Shell no final de 2002.

O sr. Muttitt, autor do livro Fuel on Fire, disse: "Antes da guerra, o Governo fez um grande esforço para insistir que não tinha interesse no petróleo do Iraque. Esses documentos fornecem a evidência que desmente essas afirmações."

"Vemos que o petróleo foi de fato uma das maiores considerações estratégicas do governo, e secretamente conivente com as companhias de petróleo para dar-lhes acesso a esse prêmio enorme."


18 de abril de 2011

Nova forma surpreendente de captar energia pela luz é descoberta

Um efeito magnético dramático e surpreendente da luz descoberto por pesquisadores da Universidade de Michigan pode levar à energia solar sem as tradicionais células solares baseadas em semicondutores.

Os pesquisadores descobriram uma maneira de fazer uma "bateria óptica", disse Stephen Rand, um professor nos departamentos de Engenharia Elétrica e Ciência da Computação, Física e Física Aplicada.

No processo, eles derrubaram uma doutrina secular da física.

"Você pode olhar para as equações de movimento durante todo o dia e você não vai ver essa possibilidade. Nós todos fomos ensinados que isso não acontece", afirmou Rand, autor de um artigo sobre o trabalho publicado no Journal of Applied Physics. "É uma interação muito estranha. É por isso que foi omitido por mais de 100 anos."

A luz tem componentes elétricos e magnéticos. Até agora, os cientistas acreditavam que os efeitos do campo magnético eram tão fracos que eles poderiam ser ignorados. Rand e seus colegas descobriram que na intensidade certa, quando a luz viaja através de um material que não conduz eletricidade, o campo de luz pode gerar efeitos magnéticos que são 100 milhões de vezes mais fortes do que o anteriormente esperado. Nestas circunstâncias, os efeitos magnéticos desenvolvem a força equivalente a um forte efeito elétrico.

"Isso pode levar a um novo tipo de célula solar sem semicondutores e sem absorção para produzir separação de cargas", afirmou Rand. "Em células solares, a luz entra em um material, é absorvida e gera calor. Aqui, esperamos ter uma carga térmica muito baixa. Em vez de a luz ser absorvida, a energia é armazenada no momento magnético. Magnetização intensa pode ser induzida pela luz intensa e, em seguida, em última análise é capaz de fornecer uma fonte de energia capacitiva."

Esta nova técnica poderia tornar a energia solar mais barata, dizem os pesquisadores. Eles prevêem que, com melhores materiais, isso poderia alcançar 10 por cento de eficiência na conversão de energia solar em energia utilizável. Isso é equivalente a grades de células solares comerciais de hoje.

16 de abril de 2011

Racismo? Raiva? Um comprimido pode resolver isso


Uma pílula para melhorar o comportamento moral; um tratamento para os pensamentos racistas; uma terapia para aumentar a sua empatia por pessoas de outros países - isto pode soar como coisa de ficção científica, mas, com a medicina mais perto de alterar o nosso estado moral, a sociedade deve se preparar para as conseqüências, de acordo com um livro que analisa a evolução científica no campo.

Drogas como o Prozac, que altera o estado mental do paciente, já tem um impacto sobre o comportamento moral, mas os cientistas prevêem que futuros avanços da medicina podem permitir manipulações muito mais sofisticadas.

A área de pesquisa ainda está engatinhando, mas "está muito longe de ser ficção científica", diz o vice-diretor do Centro de Oxford para Neuroética Wellcome Trust e um vencedor do prêmio de ética biomédica, o Dr. Guy Kahane.

"A ciência tem ignorado a questão do aperfeiçoamento moral até agora, mas agora está se tornando um grande debate", diz ele. "Já existe um crescente corpo de pesquisa que você pode descrever nesses termos. Estudos mostram que certas drogas afetam o modo como as pessoas respondem a dilemas morais, aumentando o seu senso de empatia, a afiliação a um grupo e reduzindo a agressão".

Os pesquisadores têm se interessado no desenvolvimento de tecnologias biomédicas, capazes de intervir nos processos biológicos que afetam o comportamento moral e do pensamento moral, diz um pesquisador Wellcome Trust, em Oxford University Uehiro Centre, Dr. Tom Douglas. Ele é um co-autor do Enhancing Human Capacities, publicado esta semana.

Mas o altruísmo induzido farmacologicamente, por exemplo, seria a quantidade de comportamento moral genuíno? "Nós podemos alterar as respostas emocionais das pessoas, mas mesmo que isso melhore o seu comportamento moral não é algo que a ciência pode responder", afirma Kahane.

Ele também admite que é improvável que as pessoas corram para tomar uma pílula que iria melhorar a sua moral.

Pesquisadores sugerem que as drogas estimulantes da moral podem ser usadas no sistema de justiça criminal. "Esses remédios serão mais eficazes na prevenção e cura do que prisão", dizem.

Fonte: The Age

15 de abril de 2011

Bateria usa água doce e água salgada para gerar energia

Experts em energia limpa da Universidade de Stanford descobriram uma maneira de transformar qualquer rio do mundo em uma usina de energia - sem necessidade de barragens hidroeléctricas feias.

Simplificando, Yi Cui, professor associado de ciência de materiais e de engenharia em Stanford, e sua equipe, quer colocar uma bateria recarregável recentemente desenvolvida na foz dos rios; as baterias aproveitariam a diferença de salinidade entre água salgada e água doce para produzir eletricidade e carregar-se.

Essa é a explicação simples. Para a explicação que inclui uma discussão da relação entre a tensão e a concentração de íons de sódio e cloro, confira as novidades da Stanford. Dito isto, o conceito básico por trás da bateria em si não é muito complexo e é semelhante a outras baterias - basicamente dois eletrodos imersos em água - mas a equipe de Stanford aproveitou da nanotecnologia, o que é legal porque ... bem, vamos apenas deixá-los explicar isso:

Para melhorar a eficiência, o eletrodo positivo da bateria é feito de nanobastões de dióxido de manganês. Isso aumenta a superfície disponível para a interação com os íons de sódio por cerca de 100 vezes em comparação com outros materiais. Os nanobastões fazem com que fique possível que os íons de sódio entrem e saiam do eletrodo com facilidade, agilizando o processo.

Os nanobastões também são mais fortes do que as frágeis membranas que têm sido usadas para gerar corrente em projetos similares de salinidade.

A equipe de Cui calculou que as baterias podem criar 13 % do consumo de energia do mundo atual, se implantado em todos os rios. Mas há muitos obstáculos para que isso se torne uma realidade, no mínimo um potencial conflito com críticas sobre o habitat dos animais selvagens.

"Você gostaria de escolher um local mais distante, milhas de distância, a partir de qualquer habitat crítico", Cui disse em um comunicado. "Nós não precisamos perturbar todo o sistema, nós apenas precisamos de algumas rotas da água do rio através do nosso sistema antes de chegar ao oceano. Estamos apenas emprestando e devolvendo."

Mesmo que isso não resolva os problemas energéticos do mundo, a nova tecnologia pode ajudar bastante. Cui prevê que uma estação de energia na boca de um único rio pode gerar energia suficiente para 100 mil casas.

Fonte: cnet News

14 de abril de 2011

Radiação japonesa pode afetar EUA, e 400 mil japoneses desenvolverão câncer


Em 11 de marco de 2011 um terremoto seguido de tsunami abalou o Japão, matando milhares de pessoas e causando mais de três colapsos parciais ou totais no Fukushima Daiichi Nuclear Power Plant.

Empresas e especialistas da indústria nuclear têm continuamente alegado que os riscos são mínimos, empurrando a mentira de que o desastre foi menor e menos grave do que Chernobyl.

Felizmente, dois especialistas chegaram à frente e relataram os perigos reais desta catástrofe nuclear em grande escala.

Em 15 de março, o Dr. Russel Blaylock disse que se uma nuvem de radiação no Japão atingir a costa oeste dos EUA, isso poderia representar uma ameaça às culturas de alimentos da nação e as pessoas que as comem. Os níveis de radiação no leite em três estados foram registradas com níveis muito mais elevados que o normal, fazendo com que alguns acreditarem que a radiação de fato atingiu o abastecimento de alimentos dos EUA.

O risco nos Estados Unidos não é doença da radiação, em vez disso, haverá um aumento do risco de câncer.

"A maioria dos riscos para a saúde não vai ser devido a envenenamento por radiação aguda", disse Newsmax Blaylock. "Vai ser um risco de câncer aumentado".

"Quando olhamos para Chernobil, a maior parte da Alemanha Ocidental foi contaminada. Noruega, Suécia. A Hungria foi terrivelmente contaminada. A radiação foi levada para as plantas. A comida era radioativa. Eles pegavam o leite e o transformava em queijo. O queijo era radioativo."

Sabemos agora que o queijo/leite foi contaminado e os produtos comprados em um supermercado em São Francisco foi testado e comprovado como positivo para iodo radioativo 131.

Um grupo de pesquisa francês sobre radioatividade afirmou que os níveis de radiação que foram encontrados na Europa já não são negligenciáveis e mulheres grávidas e crianças devem evitar comportamentos de risco.

Enquanto isso, Dr. Chris Busby, um dos principais especialistas sobre os efeitos da radiação no corpo humano, afirmou que 400 mil pessoas no Japão podem morrer de câncer.

É claro que os chamados peritos que a mídia corporativa tem promovido não são nada mais do que lacaios da indústria nuclear/governo e sem pessoas como Russell Blaylock e Dr. Chris Busby as informações sobre o desastre Fuksuhima seriam completamente censuradas.

Fonte: The Intel Hub

13 de abril de 2011

As abelhas estão desaparecendo da Terra

Em 1923, Rudolf Steiner, um cientista austríaco, filósofo e inovador social, previu que em 80 a 100 anos, as abelhas entrariam em colapso.

Nas últimas duas décadas, os Estados Unidos perderam 100-300 bilhões de abelhas, e o problema se espalhou para a Europa e além. Enquanto as operações de apicultura industrializada realmente matam milhões de abelhas a cada ano, vários outros fatores contribuem para a sua enorme mortandade.

Os polinizadores estão adoecidos com a falta de uma dieta diversificada devido às dezenas de milhões de hectares de monocultura. Através da ingestão de culturas geneticamente modificadas (GM), os polinizadores também ingerem micróbios GM, para seu detrimento. E agora, no entanto, os agrotóxicos mais contribuem para a dizimação dos polinizadores. Em um último esforço para salvar a colméia, algumas abelhas selam as células da colmeia que contêm quantidades excessivas de pesticidas. Mas mesmo essas colmeias acabam por morrer.

A onipresente indústria dfazendo com que abelhas (e aves) percam a sua capacidade de navegar. E, assim, vemos o colapso das abelhas e morcegos da América do Norte.

Quando polinizadores desaparecem, também desaparecem as plantas de floração. O colapso de reação em cadeia pode facilmente levar ao fim da Era dos Mamíferos. Isto seria semelhante ao final da era dos dinossauros há 65 milhões de anos atrás.

10 de abril de 2011

Tai Chi melhora o tratamento para depressão em idosos



O tai chi chuan existe há séculos e os seus inúmeros benefícios ao bem-estar têm sido reconhecidos por muito tempo. A investigação continua para descobrir o papel do tai chi para enfrentar doenças modernas. Um estudo recentemente publicado no American Journal of Geriatric Psychiatry concluiu que exercícios semanais de tai chi são benéficos para pacientes idosos em tratamento para depressão. Segundo a Dra. Helen Lavretsky, principal autora e professora em residência de psiquiatria da UCLA, este é o primeiro estudo a estabelecer o papel do tai chi no tratamento da depressão de início tardio.

Pesquisadores da UCLA estudaram um total de 112 adultos, 60 anos ou mais, todos tratados inicialmente com o antidepressivo escitalopram. Após quatro semanas de medicação, quase dois terços dos participantes ainda tinham alta escala de depressão. Esses pacientes foram divididos aleatoriamente em dez semanas de aulas de tai chi ou uma classe de educação em saúde. Ambos os cursos foram ministrados mais de duas horas, uma vez por semana. Na conclusão do período de dez semanas, 94 por cento dos praticantes de tai chi demonstraram melhora significativa, em comparação com apenas 77 por cento na classe de educação em saúde. A presença regular nos cursos também significou que os pacientes estavam gastando o tempo com outras pessoas. Essa interação social provavelmente adicionada à melhora observada nos dois grupos.

O grupo de tai chi também experimentou melhora na cognição e memória e os níveis de energia aumentaram, e relataram uma melhor qualidade de vida. Além disso, exames de sangue revelaram uma redução nos marcadores de inflamação. "No total, os efeitos foram bastante dramáticos", disse a Dra. Lavretsky. "Se um psiquiatra fosse adicionar um exercício como o tai chi ... isso seria uma coisa muito benéfica, em vez de adicionar uma outra droga."

O tai chi chuan envolve o fluir através de uma série de posturas que são coordenadas com a respiração profunda. A atenção que ele requer efetivamente absorve um indivíduo em um estado meditativo. Todas as articulações e grandes grupos musculares são exercidos de forma contínua, sem a tensão que pode vir de atividades de alto impacto, fazendo o tai chi ser adequado para pessoas de praticamente todas as idades e níveis de aptidão. Ainda assim, a intensidade depende do estilo de Tai Chi que é praticado. Este estudo utilizou uma forma de Tai Chi conhecida como tai chi chih, que se limita a dezenove movimentos e uma pose.

Arsênio e metais tóxicos são encontrados em alimentos para bebês


Foram encontrados níveis "alarmantes" de substâncias tóxicas em alimentos para bebês que geralmente são usados para substituir o leite materno, incluindo arsênio, chumbo e cádmio.

Os resultados vêm conforme funcionários da Food Standards Agency e a Comissão Européia estão realizando uma revisão urgente para estabelecer novos limites para a exposição a longo prazo destes contaminantes em alimentos.

Os produtos testados pelos pesquisadores foram feitos por grandes fabricantes de alimentos de bebês, incluindo Organix, Hipp, Nestlé e Holle.

Os investigadores descobriram que alimentar lactentes duas vezes por dia com alimentos para bebês comprados em lojas especializadas, como papas de arroz, pode aumentar sua exposição ao arsênico em até cinqüenta vezes quando comparado ao aleitamento materno sozinho.

A exposição a outros metais tóxicos, como cádmio, que é conhecido por causar danos neurológicos e renais, aumenta em até 150 vezes em alguns dos alimentos testados por cientistas suecos, enquanto o chumbo aumentou em até oito vezes.

Lactentes jovens são tidos como especialmente vulneráveis à essas substâncias, pois eles estão passando por um rápido desenvolvimento.

9 de abril de 2011

Chuva radioativa faz com que escolas coreanas fechem


O Instituto Coreano de Segurança Nuclear (KINS) disse que iodo radioativo e césio foram encontrados na água da chuva coletada em um posto na ilha de Jeju. O nível de concentração de iodo-131 foi 2,02 becquerels por litro (Bq/l), a de césio-137 0,538 Bq/l, e a de de césio-134, 0,333 Bq/l.

Após a notícia, pessoas em todas as partes do país levaram guarda-chuvas para o trabalho ou escola, embora a chuva fosse leve.

Os pais vestiram seus filhos não só com guarda-chuvas, mas também com capas de chuva, botas de borracha e até mesmo máscaras. Alguns deless deram a seus filhos uma carona para a escola, com as ruas perto das escolas congestionadas.

Na província de Gyeonggi, cerca de 130 pré-escolas, escolas de ensino fundamental e médio foram fechadas depois que o escritório regional de educação escolar permitiu que os diretores a fechassem se considerassem necessário. Mais de 40 outras escolas encurtaram o horário escolar.

Cientistas emitem alerta urgente mundial para bactérias com super genes


Vazamentos nucleares. Derramamentos de petróleo. Mais conflitos na África e no Oriente Médio. Culturas de alimentos geneticamente modificados contaminados. Então o que mais poderia acontecer? Infelizmente, um outro problema veio à tona que os cientistas estão apelando para uma "necessidade urgente de ação global". Desta vez, é uma notícia preocupante sobre um gene que transforma as bactérias não apenas em superbactérias - mas SUPER superbactérias.

Estas bactérias multirresistentes têm sido encontradas em águas de abastecimento público e águas residuais urbanas em Nova Déli. Mas este não é um problema limitado à Índia. Enquanto os investigadores que escreveram na última edição da revista Lancet dizem que as descobertas na Índia representam a possibilidade preocupante que o NDM-1 possa estar disseminado no ambiente desse país, há muitas razões para estar preocupado pois as bactérias poderiam estar se espalhando para outras partes do planeta.

Mohd Shahid do Colégio Médico de Jawaharlal Nehru, em Uttar Pradesh, na Índia, adverte em um artigo de acompanhamento que o potencial para a disseminação global de bactérias com o perigoso super gene NDM-1 "... é real e não deve ser ignorado ... esforços coordenados, concretos e coletivos são necessários, inicialmente para limitar a sua dissimenação generalizada e, finalmente combater este problema de resistência emergente ameaçador."

O gene NDM-1 foi encontrado em 2 das 50 amostras de água potável e 51 de 171 amostras de infiltração. Bactérias contendo o NDM-1 foram cultivadas a partir de duas amostras de água potável e 12 amostras de infiltração. E houve uma surpresa - o gene foi encontrado em 20 isolados bacterianos que compreendem 14 espécies diferentes, incluindo 11 espécies em que NDM-1 não havia sido relatado previamente. Além do mais, disseram os pesquisadores em um comunicado à imprensa que é particularmente preocupante que o gene da superbactéria se espalhe em espécies extremamente patogênicas de bactérias, incluindo Shigella boydii e Vibrio cholerae, que causam disenteria e cólera, respectivamente.

Isso significa que as bactérias que já podem fazer as pessoas ficarem muito doentes e até mesmo matar, agora estão voltando com um gene que faz com que fiquem ainda mais perigosas porque faz com que fiquem resistentes a antibióticos.

8 de abril de 2011

Nova partícula descoberta pode mudar a física e a cosmologia




Pesquisadores mediram um sinal de que poderá anunciar um novo tipo de partícula ou força da natureza.

Mas a descoberta ainda não é conclusiva, e isso deixa muitos pesquisadores céticos.

A descoberta vem de um esmagador de átomos chamado Tevatron no Laboratório de Física de Fermilab, em Batavia, Illinois. Dentro do acelerador, as partículas são aceleradas até perto da velocidade da luz e elas correm em torno de um anel de quatro milhas. Quando duas partículas colidem, elas se desintegram em outras partículas exóticas em um poderoso derramamento de energia.

Os cientistas analisaram milhares dessas colisões, e encontraram um padrão suspeito em cerca de 250 mais casos do que previsto. Nesses casos, os produtos da colisão entre um próton e seu parceiro de antimatéria, o antipróton, eram diferentes do que o esperado.

"O mundo da física inteiro está fazendo um burburinho com este resultado", disse o físico David Kawall, da Universidade de Massachusetts Amherst.

"Isso é enorme - uma descoberta inesperada que pode transformar completamente a física de altas energias, bem como a cosmologia, pois os dois campos estão unidos", disse o astrofísico Michael S. Turner, diretor do Instituto Kavli de Física Cosmológica da Universidade de Chicago.

Fonte: msnbc.com

Jovens protestam contra desemprego na Espanha

Demonstração de cena depois que jovens pobres protestaram contra a situação econômica na Espanha.

Milhares de pessoas marcharam pelas ruas da capital espanhola Madrid para protestar contra a má situação econômica do país que continua a atormentar os desempregados, particularmente sua juventude.

"Quase metade dos jovens da Espanha estão desempregados", disse Ivan Alonso, um estudante universitário nas manifestações, que foi detido em um protesto contra a elevada taxa de desemprego, precariedade e cortes de gastos do governo.

"Estou desempregado há três anos", observou Alonso, acrescentando que "o governo está começando a reduzir a bolsas de estudo e sem uma bolsa ou um emprego, será impossível continuar a estudar."

Os protestos da juventude em Madrid foram inspirados pelas revoltas no Norte de África e do Oriente Médio, assim como protestos anti austeridade em outras cidades européias, incluindo Lisboa, onde, no dia 11 de março, houve uma grande manifestação contra problemas semelhantes de austeridade.

"Itália, França, Grécia e Islândia nos ensinaram que a mobilização é indispensável, o mundo árabe tem nos mostrado que a vitória é possível", relatou Juventude Sem futuro, o grupo que começou esta campanha.

Os manifestantes se sentiram frustrados com a falta de postos de trabalho com pouca disponibilidade até mesmo para os diplomados mais qualificados.

A taxa de desempregados e os menores de 25 anos de idade estão em 43,5 por cento em fevereiro, sendo mais que o dobro da média nacional e a maior taxa de desemprego entre os jovens na União Européia, o relatório disse.

Fonte: Press TV

6 de abril de 2011

Professor escreve uma bíblia para ateus

No princípio era o Verbo, e o Verbo era ... Bom? Quatrocentos anos depois da publicação da Bíblia de King James, o filósofo AC Grayling escreveu um livro que oferece aos ateus uma "bíblia" própria.

Em The Good Book (O Livro Bom), Professor Grayling tenta reunir em um tomo a sabedoria dos antigos filósofos gregos, sábios confucionistas, poetas medievais e as descobertas da ciência moderna.

Sem qualquer referência aos deuses, almas ou pós-vida, o livro visa dar aos ateus um livro de inspiração e orientação enquanto fazem seu caminho no mundo.

No lugar do mais conhecido Dez Mandamentos, seus princípios ateus são: "Ame bem, busque o bem em todas as coisas, não prejudique os outros, pense por si mesmo, assuma a responsabilidade, respeite a natureza, faça o seu máximo, seja informado, seja gentil, seja corajoso".

O professor Grayling, presidente eleito da Associação Humanista Britânica, não é ambivalente sobre a missão bíblica de sua obra.

"A questão sobre a bíblia religiosa é que ela pretende nos dar alguma direção. Contém os comandos de uma divindade, desejando-nos a viver uma certa forma ", diz ele.

"Na verdade ela tem uma mensagem que diz que há uma grande verdade e uma maneira correta de viver. A oferta modesta de The Good Book é que há tantas boas vidas como há pessoas que têm o talento para vivê-las, e que as pessoas devem assumir a responsabilidade de pensar por si mesmas e tomar essa decisão por si próprias. O que este livro faz é tentar oferecer-lhes recursos para pensar sobre isso."

Fonte: BBC News

5 de abril de 2011

Médicos alemães recomendam o uso de placebo


Para pacientes alemães atormentados com problemas como dor crônica e depressão leve, os médicos poderão em breve tentar algo um pouco diferente: um placebo.

Depois de concluir um importante estudo sobre o uso de placebos, a Associação Médica Alemã concluiu recentemente que as pílulas falsas, por vezes, funcionam melhor que remédios reais e recomendam que os médicos as dêem com mais freqüência - mesmo sem explicitamente dizer a seus pacientes.

Isso está em contraste com a orientação das autoridades Americanas e Britânicas, que dizem que usar placebos sem o consentimento do paciente não é ético. Pílulas de placebo muitas vezes são feitas de coisas como açúcar, farinha ou pó, embora os médicos também usem outras coisas, como vitaminas, suplementos de ervas ou drogas com muito pouca substância ativa.

De acordo com o grupo alemão, os placebos não vêm com nenhum efeito colateral desagradável e podem ser a última esperança para pacientes com doenças difíceis de tratar onde não existem bons medicamentos.

"Você não deve dar placebos para nada, mas há certas situações em que podem ser bastante úteis" disse o Dr. Peter Scriba, presidente do conselho consultivo da Associação Médica Alemã.

Ele disse que placebos podem ajudar os pacientes com ansiedade baixa, depressão, problemas crônicos de inflamação, dor e asma.

Fonte: Mail.com

3 de abril de 2011

BOINC: um auxílio para o Movimento Zeitgeist

O Movimento Zeitgeist é um movimento apolítico criado por Peter Joseph, divulgados em seus filmes polêmicos - Zeitgeist: O Filme, Zeitgeist: Addendum e o mais recente Zeitgeist: Moving Forward.

Este movimento visa a conscientização das pessoas para o que está errado em nossa sociedade, e também a construção de metas e planos para uma melhoria, e faz parceria com o Projeto Venus, de Jacque Fresco e Roxanne Meadows, que planeja reconstruir a sociedade e a cultura através do método científico aplicado, com uma Economia Baseada em Recursos, que substituirá o atual sistema financeiro, abolirá o dinheiro e qualquer forma de dívida ou sistema de troca.

Para que este novo sistema funcione da melhor forma possível, serão utilizados supercomputadores, ou computadores quânticos, que calcularão e resolverão qualquer tipo de problema da forma mais rápida possível, e serão o "centro nervoso" de cidades cibernéticas.

O Movimento Zeitgeist lançou recentemente um projeto de visa unir o máximo de computadores possível para que ajudem no desenvolvimento dos computadores quânticos, através de um software chamado BOINC.

Segundo o site do Movimento Zeitgeist:

O Berkeley Open Infrastructure for Network Computing (BOINC) é um sistema de computação de grade voluntário, que usa seu computador para resolver problemas. Existem diversos projetos na rede atualmente em desenvolvimento, como 'distributedDataMining ", que é um projeto futuro que vai ajudar a máquina de pesquisa a aprender, que podem nos ajudar na formação de uma Economia Baseada em Recursos.

Ao fazer o download do BOINC e anexar ao projeto aqua@home podemos acelerar as pesquisas em computação quântica. Se computadores quânticos em larga escala puderem ser construídos, eles serão capazes de resolver problemas muito mais rápido que qualquer computador atual. Isso ajudará na melhoria dos sistemas informáticos distribuídos nas cidades cibernéticas e computadores em geral.

Esperamos obter o maior número possível dos meio milhão de membros (do movimento) usando seus computadores para ajudar a acelerar a investigação neste projeto. Queremos produzir o maior time com mais crédito, que ajudará a ganhar reconhecimento na comunidade científica e nos ajudar a nos tornar uma organização altamente respeitada. Esperamos ser capazes de construir um relacionamento com D-Wave Systems, empresa por trás deste projeto, para que eles possam nos ajudar a construir sistemas de computadores distribuídos nas cidades cibernéticas, quando chegar a hora de construir a primeira cidade. Leva apenas 5 minutos para instalar e configurar.
Segundo o membro do time de tecnologia do Movimento Zeitgeist, Douglas Mallette, o software não atrapalhou nem reduziu a capacidade operacional de seu computador. Este programa roda quando seu computador estiver inativo, mas ligado, como um protetor de tela.

E de acordo com o site da AQUA@home,

O aqua@home, ou AQUA D-Wave (Adiabatic Quantum Algorithms) é um projeto de pesquisa cujo objetivo é prever o desempenho de computadores quânticos supercondutores adiabáticos em uma variedade de problemas difíceis que surjam em domínios que vão da ciência de materiais para aprendizagem de máquinas. AQUA@home usa computadores conectados à Internet para ajudar a projetar e analisar algoritmos de computação quântica, usando técnicas quânticas de Monte Carlo. Você pode participar através da execução de um programa gratuito em seu computador.
AQUA@home é baseado no Systems Inc. D-Wave, Burnaby, British Columbia, Canadá.
Para fazer o download do programa e ajudar no Movimento Zeitgeist, clique aqui.

Assista o vídeo (em inglês) que explica como instalar o BOINC:




Banco do Brasil é processado judicialmente por desmatamento da Amazônia

O maior banco brasileiro - o estatal Banco do Brasil - está sendo processado por supostamente financiar o desmatamento na Amazônia.

Procuradores do Ministério Público dizem que o banco emprestou dinheiro a empresas que desmatam ilegalmente a floresta e utiliza práticas de trabalho beirando a escravidão.

O Banco da Amazônia também está sendo processado.

Os procuradores do estado do Pará disseram que haviam descoberto 55 empréstimos no valor de quase R$ 5 milhões que o Banco do Brasil aprovou para fazendas que tinham quebrado as leis ambientais e do emprego.

Eles também disseram ter descoberto 37 empréstimos no valor de R$ 11 milhões concedida a explorações com violações similares pelo Banco da Amazônia.

Os empréstimos violaram a constituição do Brasil, as leis ambientais, a regulamentação bancária e acordos internacionais assinados pelo Brasil, disseram os procuradores independentes no Ministério Público.

"A descoberta deste financiamento irregular mostra que este é um problema generalizado", disseram em um comunicado.

Eles acrescentaram que suas conclusões apoiaram pesquisas que mostram uma relação direta entre empréstimos públicos e desmatamento na Amazônia.

Fonte: BBC News

Vacas geneticamente modificadas produzem leite 'humano'

Pesquisadores dizem que são capazes de criar vacas que produzem leite com uma proteína humana chamada lisozima.

Os cientistas conseguiram introduzir com sucesso genes humanos em 300 vacas leiteiras para produzir leite com as mesmas propriedades que o leite humano materno.

O leite humano contém grandes quantidades de nutrientes essenciais que podem ajudar a impulsionar o sistema imunológico dos bebês e reduzir o risco de infecções.

Os cientistas por trás da pesquisa acreditam que o leite de rebanhos de vacas geneticamente modificadas poderia oferecer uma alternativa ao leite materno e o leite em pó para bebês, que é muitas vezes criticado como sendo um substituto inferior.

Eles esperam que produtos lácteos geneticamente modificados provenientes de rebanhos de vacas semelhantes poderiam ser vendidos em supermercados. A pesquisa tem o apoio de uma grande empresa de biotecnologia.

É provavel que este trabalho inflame a oposição aos alimentos geneticamente modificados. Os críticos da tecnologia e dos grupos de proteção dos animais reagiram com indignação à pesquisa, questionando a segurança do leite de animais geneticamente modificados e seus efeitos sobre a saúde do gado.

2 de abril de 2011

Masturbação acalma Síndrome de Pernas Inquietas


Muito disso vai fazer você ficar cego - é o que podem ter dito para você. Mas para alguns, a masturbação pode ter um benefício clínico real: ela pode aliviar a síndrome das pernas inquietas (SPI). A percepção disso poderia fornecer um doce alívio para os 7 a 10 por cento das pessoas nos EUA e na Europa que sofrem da condição.

SPI é um distúrbio neurológico caracterizado por uma angustiante necessidade de movimentar as pernas. É geralmente associada a sensações desagradáveis nos membros inferiores, tais como formigamento, dor e coceira.

As causas exatas da SPI ainda têm de serem identificadas, mas as autópsias e exames de imagem cerebral sugerem que um fator que contribui é um desequilíbrio da dopamina - um mensageiro hormonal que, entre outras coisas, ativa as áreas cerebrais responsáveis pelo prazer. Suspeita-se que o desequilíbrio da dopamina é responsável por alguns dos sintomas da doença de Parkinson.

Foi provado que drogas que aumentam a dopamina reduziram os sintomas da SPI, quando tomadas ao deitar e é considerado o tratamento inicial de escolha.

Embora tais drogas forneceram melhoria significativa dos sintomas de um homem de 41 anos com síndrome das pernas inquietas, ele encontrou um tratamento ainda melhor - o alívio completo após a masturbação ou o sexo.

Luis Marin e seus colegas da Universidade Federal de São Paulo, que informaram sobre o novo tratamento este mês no periódico Sleep Science, especulam que a liberação de dopamina relacionada com o orgasmo pode desempenhar um papel no alívio dos sintomas.

Um orgasmo proporciona uma das maiores explosões naturais de dopamina disponível para nós. Quando Gert Holstege na Universidade de Groningen, na Holanda, e colegas mapearam o cérebro de homens ejaculando, ele disse que as imagens resultantes lembravam scans de acúmulo de heroína.

Este aumento temporário de dopamina pode agir de forma semelhante às drogas que imitam o hormônio, concedendo ao homem em questão bastante alívio das pernas inquietas a deixá-lo dormir uma noite inteira.

Enquanto o "cinco contra um" já foi comprovado que protege os homens contra o câncer de próstata e alivia a febre do feno, os pesquisadores ainda não descobriram quaisquer efeitos secundários prejudiciais para o sistema visual.

‘Quinta Sinfonia’ de Beethoven destrói células cancerígenas


Música de Beethoven causou a morte de 20% das células analisadas

A ‘Quinta Sinfonia’ de Beethoven é uma das mais famosas composições da música clássica e, segundo um novo estudo brasileiro, pode ajudar a curar o câncer.

A pesquisa, levada a cabo pelo Programa de Oncobiologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro, analisou células MCF-7, ligadas ao câncer da mama. Ao expor as referidas células ao famoso tema, uma em cada cinco acabou por morrer, o que entusiasmou os envolvidos.

O estudo, que teve início em Maio de 2010, está permitindo que se desenvolvam novas perspectivas de cura de tumores malignos, recorrendo a timbres e frequências, esclarece o jornal ‘O Globo’.

Já na página oficial da unidade de Oncobiologia da referida univesidade, a responsável do estudo, Márcia Capella, esclarece que já se usaram outras composições musicais, mas nem sempre com os mesmos resultados.

“Iniciamos o nosso trabalho usando três composições: a ‘Sonata para 2 Pianos em Ré Maior’, de Mozart (conhecida por causar o ‘efeito Mozart’, um aumento temporário do raciocínio espaço-temporal de um indivíduo), a ‘Quinta Sinfonia’ de Beethoven e ‘Atmosphères’ (do húngaro György Ligeti), uma composição contemporânea, que se caracteriza principalmente pela ausência de uma linha melódica que traduza o tema”, afirma.

Segundo a especialista, a composição de Mozart não provocou nenhuma alteração nas células, mas as de Beethoven e Ligeti causaram a morte de em média 20% delas, além da “diminuição de tamanho e granulosidade”.

O fato de Mozart não ter provocado nenhuma reação está espantando os responsáveis, já que suas composições estão entre as mais utilizadas na musicoterapia.

“Ainda precisamos estudar melhor os mecanismos destes efeitos, ou seja: porque apenas alguns tipos de células são sensíveis a estas músicas? E por que apenas alguns tipos específicos de músicas provocam efeitos? Fizemos testes também com a MDCK, uma célula não-tumorigênica, e com linfócitos, e elas não responderam a estes estímulos sonoros”, reconhece Márcia Capella.

O objetivo é conseguir usar as frequências sonoras como processo de cura, em vez de outros mais violentos como radioterapia.

1 de abril de 2011

Vaticano: surto de satanismo aumenta a demanda de exorcistas


A Igreja Católica Romana alertou que um aumento no satanismo produziu um aumento da procura de exorcistas.

Culpando a tendência de acesso fácil à informação sobre adoradores do Diabo na internet, o Vaticano está organizando uma conferência de seis dias sobre o assunto esta semana em Roma, destinado a examinar o satanismo e destacando seus riscos. "A internet torna muito mais fácil do que no passado encontrar informações sobre o satanismo", diz Carlo Climati que se especializa nos perigos que a prática representa para os jovens.

A conferência de Roma reuniu mais de 60 cleros católicos, assim como médicos, psicólogos, psiquiatras, professores e animadores de juventude para discutir como combater os perigos da adoração do Diabo.

O principal exorcista do Vaticano afirmou no ano passado que o diabo se escondia no Vaticano, no coração da Igreja Católica.

Gênio de 12 anos de idade desafia a teoria do Big Bang


De certa forma, Jacob Barnett é como qualquer outro garoto de 12 anos de idade. Ele joga Guitar Hero, atira aros com os amigos, e tem uma namorada platônica.

Mas de outra forma, ele é um pouco diferente. Jake, que tem um QI de 170, começou a resolver quebra-cabeças de 5000 peças aos 3 anos de idade, não muito tempo depois de ter sido diagnosticado com a síndrome de Asperger, uma forma leve de autismo.
Alguns anos mais tarde, ele aprendeu sozinho cálculo, álgebra e geometria, em duas semanas. Aos 8, ele deixou a escola, e atualmente está tendo aulas de nível universitário em astrofísica avançada, enquanto tutoria seus amigos mais velhos. E ele está sendo contratado para um trabalho pago por um pesquisador da Universidade de Indiana.

Agora, ele está trabalhando em uma teoria que desafia o Big Bang, a explicação predominante entre os cientistas sobre como o universo surgiu. Não está claro como sua teoria é desenvolvida, mas os especialistas dizem que ele está fazendo as perguntas certas.

"A teoria que ele está trabalhando envolve vários dos problemas mais difíceis em astrofísica e física teórica", diz Scott Tremaine, do Instituto da Universidade de Princeton de Estudos Avançados, onde Einstein trabalhou, em um e-mail para a família de Jake. "Quem resolver esses problemas estará na linha para um Prêmio Nobel".

Não está claro de onde Jake tirou seus dons. "Sempre que eu tento falar sobre matemática com alguém da minha família, eles simplesmente me olham fixamente".

Mas seus pais incentivaram seus interesses desde o início. Depois, eles o levaram para o planetário na Universidade de Butler. "Nós estávamos no meio da multidão, sentados, ouvindo um cara pedir à multidão se alguém sabia porque as luas que circundam Marte estavam em forma de batata e não redondas", disse a mãe de Jake, Kristine Barnett.

"Jacob levantou a mão e disse, 'Desculpe-me, mas quais são os tamanhos das luas de Marte?"
Depois o palestrante respondeu, disse Kristine, "Jacob olhou para ele e disse que a gravidade do planeta ... é tão grande que a gravidade (das Luas) não seria capaz de colocá-la em uma forma redonda."

"Aquele prédio inteiro ... todo mundo estava olhando para ele, como se pensassem, 'Quem é esse menino de 3 anos de idade?' ".

Fonte: Yahoo News

Quanto maior o nível de educação, maior a crença no paranormal


Acredite ou não, o ensino superior está ligado a uma maior tendência a acreditar em fantasmas e outros fenômenos paranormais, segundo um novo estudo.

Contrariamente às expectativas dos pesquisadores, uma sondagem de 439 estudantes universitários descobriu que os graduados e estudantes de graduação são mais prováveis do que os calouros em acreditar em casas mal-assombradas, poderes psíquicos, telepatia, canalização e uma série de outras idéias questionáveis.

Os resultados estão detalhados na edição de janeiro-fevereiro da revista Skeptical Inquirer.

Enquanto 23 por cento dos calouros da faculdade expressaram uma crença geral de conceitos paranormais - desde astrologia até a comunicação com os mortos - 31 por cento dos graduados o fizeram, e o número saltou para 34 por cento entre os estudantes de pós-graduação.

"Conforme as pessoas atinjem níveis de ensino superiores universitários, a probabilidade de crer em dimensões paranormais aumentam" escrevem Farha e Steward.

Fonte: msnbc.com

Jardinagem: mais do que um hobby, uma alternativa de sobrevivência


Há pelo menos cinco razões pelas quais mais de nós devemos pegar a pá, fazer algum adubo, e começar uma jardinagem.

O preço da maioria dos alimentos está cada vez mais alto, o que é particularmente devastador, bem agora, quando tantas pessoas estão desempregadas, subempregadas, aposentadas ou se aposentando, rendimentos fixos ou em declínio e estão tendo que escolher entre pagar suas hipotecas e contas de cartão de crédito, pagamentos de carro, e despesas médicas e de utilidade ou se alimentar o suficiente e saudavelmente. Muitos estão comendo mais fast food, alimentos preparados, "junk food" - que também estão se tornando mais caros - ou menos comida.

Nos EUA, algumas cidades, e não apenas remansos empobrecidos, como os 30 por cento dos moradores que não têm dinheiro para alimentar-se suficientemente e alimentar suas famílias, estão ficando menos nutritivas. Em todo o país, um a cada seis idosos sofre de desnutrição e fome. E o número de crianças servidas com uma ou duas das suas mais calorosas refeições, mais saudáveis em suas escolas crescem anualmente enquanto o número delas vivendo em altos níveis de pobreza chega a 20 por cento. Trinta e sete milhões de americanos dependem de bancos de alimentos que agora rotineiramente mostram prateleiras meio vazias e relatam contas bancárias quase vazias. E isto é uma nação próspera!

O preço dos alimentos produzidos convencionalmente estão subindo e não vão cair novamente. Os preços estão como uma montanha-russa de modo que o orçamento é imprevisível. E alguns alimentos gradualmente vão se tornando indisponíveis.

Tremores nas cadeias de abastecimento alimentar e de preços farão com que olhem a jardinagem muito mais que um hobby: um treino sazonal, uma forma prática para encher sua despensa com seus favoritos de verão, ou uma atividade de cura fisicamente, espiritualmente e mentalmente, ou todos as quatro. Jardinagem e agricultura em pequena escala e coletiva, especialmente de alimentos básicos e os que poderiam evitar a desnutrição, pode se tornar tão importante quanto trazer o dinheiro para casa.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...