17 de julho de 2013

Morte maciça de abelhas zangão impulsiona banimento temporário de pesticidas nos EUA



No que pode ser a maior aniquilação de abelhas em massa já registrada, cerca de 50.000 abelhas recentemente foram encontradas espalhadas pelo estacionamento de uma loja no Oregon, EUA, após uma empresa de paisagismo ter pulverizado árvores ao redor com o inseticida Safari. Em relação aos clientes e a comunidade, o evento também levantou alarme significativo entre o Departamento da Agricultura, que já decretou uma proibição temporária do pesticida usado neste incidente, e para os outros 17 produtos inseticidas adicionais contendo dinotefuran.

Dinotefuran, um inseticida popular encontrado em produtos agrícolas, profissionais e domésticos é um inseticida da classe dos neonicotinóides, uma classe de inseticidas amplamente suspeito de ser a causa principal da morte global de abelhas polinizadoras que estamos testemunhando hoje. Os neonicotinóides incluem uma série de outros  inseticidas, e durante décadas foi suspeito de ser especialmente perigoso para as abelhas.

Se houver o colapso destes polinizadores naturais, isso acarretará graves consequências para a produção mundial de alimentos.

Fonte: Waking Times
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...