13 de agosto de 2013

Experiências quase-morte ganham uma explicação


Os cientistas acreditam que uma onda de atividade elétrica no cérebro pode explicar o fenômeno.


Pessoas que estiveram à beira da morte ou que tenham morrido e ressuscitado, muitas vezes descrevem experiências incomuns, que incluem ver um túnel de luz, a sensação de flutuar acima do próprio corpo ou a sensação de uma presença divina. Alguns atribuem essas experiências à passagem entre esta vida e a próxima, mas os cientistas acreditam que pode haver uma explicação mais realista.

Neurônios do cérebro podem entrar em atividade intensa no momento próximo da morte.

Em um novo estudo, os pesquisadores descobriram que a atividade elétrica no cérebro pode explicar as experiências vívidas que algumas pessoas descrevem. "Muita gente pensava que o cérebro após a morte clínica estava inativo ou hipoativo, com menos atividade do que o estado de vigília, e mostramos que definitivamente não é o caso", disse o autor do estudo Dr. Jimo Borjigin. "Por incrível que pareça, o cérebro é muito mais ativo durante o processo de morrer do que até mesmo o estado de vigília."

Fonte: BBC News

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...