7 de abril de 2014

Você pode conjurar um fantasma real com sua própria mente


Na década de 1970 um grupo de pesquisadores realizou uma experiência única para criar a sua própria entidade paranormal.


Conhecido como o "Experimento Philip", o esforço envolveu pesquisadores parapsicólogos da Sociedade de Toronto de Pesquisas Psíquicas e teve como objetivo determinar se era possível manifestar uma entidade usando nada mais do que o poder da mente.

Para fazer isso, o grupo começou com a criação de uma história completa para a sua entidade, que eles chamaram de Philip. No período de um ano, eles falavam sobre este indivíduo fictício entre si, concentrando-se em como ele seria parecido e desejando que ele aparecesse para eles.

Finalmente, em 1973, durante uma sessão espírita, Philip realmente começou a se comunicar com o grupo fazendo barulhos em cima da mesa e fazendo com que as luzes escurecessem. Os resultados foram tão impressionantes que eles tentaram a mesma coisa de novo na frente de uma câmera de vídeo e público, desta vez tendo sucesso em fazer levitar uma mesa na frente de mais de 50 pessoas.

Veja aqui um vídeo sobre o experimento (em inglês).

Mas o que esses resultados significam? Poderia o Experimento Philip indicar que, com a força de vontade suficiente, é possível romper e se conectar com o outro lado, ou implica que experiências paranormais são, na verdade nada mais do que um produto do subconsciente humano?

Fonte: io9.com

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...